PIB brasileiro cresce 1% no primeiro trimestre de 2022

Leia em 2 minutos
PIB segundo trimestre 2022
Com o resultado positivo do PIB brasileiro, o país ganha vantagem em relação a outros países no quesito economia

Compartilhar Post

O IBGE anunciou que o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro cresceu 1% no primeiro trimestre de 2022. Desse modo, o país melhorou sua posição entre 32 economias, indo para 9° lugar, segundo ranking compilado pela agência de classificação de risco Austin Rating.

O PIB é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país num determinado período. O resultado é o terceiro positivo, após recuo de 0,2% no segundo trimestre de 2021, e fica 1,6% acima do patamar do quarto trimestre de 2019, período anterior à pandemia do coronavírus.

Outros países

Com isso, o PIB brasileiro fica à frente de países como Reino Unido (0,8%), Coreia do Sul (0,8%), Suíça (0,5%), Alemanha (0,2%), França (-0,1%) e Japão (-0,3%) e Estados Unidos (-1,4%).

Também integram a lista de dez países com resultados negativos na margem trimestral a Itália (-0,2%), Israel (-0,4%), Suécia (-0,4%), Chile (-0,8%) e Noruega (-0,9%).

Peru ocupa o primeiro lugar no ranking, cresceu 2,0% ante trimestre anterior e 3,8% na comparação interanual, ou seja, na comparação com o primeiro trimestre de 2021. Em seguida, surge Filipinas (1,9% e 8,3%), Canadá (1,6% e 3,3%) e Taiwan (1,6% e 3,1%).

Os Estados Unidos ficaram apenas em 28º lugar, com recuo de 1,4% no PIB do primeiro trimestre desse ano, mas alta de 3,6% na comparação interanual. A China ficou em 5º lugar com alta de 1,3% na margem trimestral e 4,8% interanual.

A Rússia é a última colocada, em 32º lugar, sem ter informado a variação do PIB no primeiro trimestre de 2022, mas com avanço de 3,5% na comparação com o mesmo período do ano passado.

Também sem ter informado o comportamento do PIB nos primeiros três meses do ano estão Arábia Saudita e Índia, que antecedem a Rússia por terem avançado 9,6% e 4,1% respectivamente na comparação com igual trimestre de 2021.

Qual setor mais influenciou no resultado do PIB brasileiro?

O setor de serviços foi o principal responsável pelo crescimento da economia brasileira no primeiro trimestre, já que representam 70% do PIB do país, com destaque para serviços prestados às famílias, como alojamento e alimentação.

O resultado do trimestre é o terceiro positivo, após recuo de 0,2% no segundo trimestre de 2021, e fica 1,6% acima do patamar do quarto trimestre de 2019, período anterior à pandemia do coronavírus.

O Brasil está mostrando melhoras na economia, o IPCA-15 de maio apresentou desaceleração e também caiu o número de desempregados. Semana que vem será divulgado o IPCA que é o indicador oficial da inflação.

Subscribe To Our Newsletter

Get updates and learn from the best

destaques

Previsão inflação 2023

Previsão de inflação 2023

Leia em 2 minutos O Copom divulgou uma nova previsão da inflação para 2023 e 2024. Além disso, o Banco Central não descarta novo aumento da Selic.

IPCA-15 SETEMBRO

IPCA-15 de setembro registra deflação

Leia em 2 minutos Confira o IPCA-15 de setembro, a prévia da inflação divulgada pelo IBGE. Saiba quais grupos tiveram alta e quais reduziram os custos.

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.