Pagamento com cartão cresce no país

Leia em 2 minutos
Pagamento Cartão
Pesquisa revela que pagamento com cartão de crédito é o que mais cresceu no primeiro semestre desse ano.

Compartilhar Post

Segundo dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), o setor de cartões cresceu 36,5% no primeiro semestre de 2022. Foram cerca de R$ 1,6 trilhão de pagamento com cartão.

Já no trimestre, o aumento foi de 37% com R$ 834,3 bilhões em transações.

O maior crescimento, tanto no trimestre quanto no semestre, veio do cartão de crédito, que cresceu 42% nas duas bases comparativas.

Sendo assim, a modalidade representa a maior parte do mercado: no primeiro semestre, somou R$ 1 trilhão transacionado. No segundo trimestre, foram R$ 527 bilhões.

Já o cartão de débito movimentou, no segundo trimestre do ano, R$ 252,2 bilhões em transações. Já o pré-pago somou R$ 54,8 bilhões no mesmo período, um salto de 129,7% no mesmo intervalo.

Compras não presenciais

O volume de compras não presenciais com cartões chegou a R$ 338,5 bilhões no primeiro semestre deste ano, um crescimento de 32,7% em um ano, de acordo com a Abecs. É neste dado que ficam as transações feitas com cartões no varejo eletrônico, por exemplo.

Esse tipo de compra é quase que totalmente realizada, no país, por meio do crédito: a modalidade respondeu por R$ 329 bilhões em transações no período, 33,8% acima do total visto em 2021.

Em resumo, ganhou espaço na fatia de transações, enquanto o cartão de débito perdeu, com queda de 20,8% no período.

Profissionais do setor dizem que é preciso aperfeiçoar a experiência do cartão de débito no e-commerce.

Em termos de experiência, o pagamento por aproximação tem ganhado espaço no setor, tanto no crédito quanto no débito e no pré-pago. No primeiro semestre do ano, R$ 235,5 bilhões foram movimentados através da aproximação, um crescimento de mais de quatro vezes em um ano.

Só em junho, 33,4% das transações presenciais com cartões foram realizadas com o uso da aproximação. Com isso, fica evidente que a aproximação já está incorporada no dia a dia do brasileiro.

Subscribe To Our Newsletter

Get updates and learn from the best

destaques

PIB EUA

PIB dos EUA sofre queda

Leia em < 1 minutos O PIB dos EUA foi divulgado e registrou queda no segundo trimestre de 2022

Previsão inflação 2023

Previsão de inflação 2023

Leia em 2 minutos O Copom divulgou uma nova previsão da inflação para 2023 e 2024. Além disso, o Banco Central não descarta novo aumento da Selic.

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.