Quero abrir meu negócio próprio: por onde começar?

Leia em 4 minutos
abrir negócio próprio
Muitas pessoas querem abrir o próprio negócio, mas ainda têm muitas dúvidas a respeito do processo. Confira como colocar a ideia em ação.

Compartilhar Post

Atualmente vemos cada vez mais brasileiros querendo abrir seu próprio negócio. Aspirantes a empresários se aventuram no mercado em busca de oportunidades, mas muitos ficam se perguntando por onde começar.

Na verdade abrir um negócio vai muito além de ter capital inicial para investimento. Aliás, falando em primeiros gastos, neste momento é importante você identificar quais serão os seus custos iniciais para abrir uma empresa.

É claro que tudo depende do tipo de empresa, o nicho de mercado, tipo de público, etc. É preciso se atentar a cada detalhe para correr menos riscos.

Tenha em mente que o sucesso não segue uma receita de bolo, mas conhecer alguns passos antes de começar um negócio é fundamental. Confira a seguir:

1. Amadureça a ideia antes de abrir um negócio

Comece fazendo aquilo que gosta, pois ninguém vai para frente sem paixão pela atividade que exerce. Escolha um ramo de negócio que tenha a ver com você, assim será muito mais fácil amadurecer a ideia e colocá-la em prática.

Aí você pode estar se perguntando: a ideia do meu negócio precisa ser pioneira para dar certo? E a resposta é simples: não necessariamente.

Muitos empreendimentos de sucesso partiram de ideias já existentes, assim como muitos negócios que se originaram de ideias pioneiras não vingaram.

Então, como identificar uma ideia de negócio promissora? Para aqueles que já são experientes e já possuem uma boa visão de mercado, identificar uma boa ideia de negócio pode até ser uma tarefa fácil, mas para iniciantes isso é um grande desafio.

A primeira etapa para uma boa ideia virar um negócio requer muita pesquisa e pouco, ou quase nenhum, investimento. Nessa etapa, você terá que fazer uma boa análise exploratória, como pesquisas de mercado.

Algumas perguntas que você deve fazer sobre sua ideia de negócio:

  • Qual é o seu mercado?
  • Quem é seu público-alvo?
  • Por que as pessoas vão precisar do seu produto ou serviço?
  • Que diferencial você pode oferecer para chamar a atenção diante da concorrência?
  • Quem são os possíveis concorrentes e qual ação você deve realizar?
  • Quais são os riscos de mercado (tecnológico, regulatório e de execução)?
  • Sua ideia é viável no curto, médio e longo prazo?
  • Sua ideia é escalável, ou seja, é facilmente replicável e tem alto potencial de crescimento?
  • Sua ideia terá valor diante de outros produtos e serviços no mercado ou durará apenas enquanto for novidade?
  • Você estará se realizando ao executar sua ideia?

A grande dica é: procure pessoas experientes na área que pretende atuar, elas poderão oferecer dados e informações importantíssimas, que lhe darão base para um bom começo.

2. Monte um plano de negócio

Nunca se deve abrir um negócio sem a elaboração de um modelo de negócios. Talvez esta seja a etapa mais importante para quem quer se tornar um empreendedor.

Sendo assim, é importante definir os objetivos, o capital de abertura, a análise do mercado e concorrência, além da análise de tudo que a empresa irá oferecer.

Esse plano de negócios é o momento em que o empreendedor pode definir se sua ideia tem potencial de se tornar um negócio.

A forma como a ideia é colocada no mercado pode levar ao sucesso ou ao fracasso do negócio, dependendo da visão do empreendedor ao definir sua forma de implantação.

3. Desapegue-se da ideia original

A ideia original pode levar ao sucesso ou ao fracasso quando o empreendedor se apega demais a ela e não tem flexibilidade para propor adaptações, mudanças ou mesmo reinventá-la em função das oscilações do mercado.

Sendo assim, o foco em ter uma ideia de negócio deve ser na oportunidade e não na ideia em si.

É preciso estar aberto a inovações e aproveitar novas oportunidades de mercado. Todo empreendedor almeja lucro, mas ele só poderá ser alcançado se o que se está oferecendo interessar ao público-alvo. Por isso, acompanhe as tendências e mude, se for preciso.

4. Pesquise o mercado e a concorrência

Você pode criar um plano de negócios perfeito, mas, se a sua ideia de negócio não for validada como uma oportunidade e não conseguir aprovação do mercado, ela estará fadada ao fracasso. 

Muitas pessoas quando ingressam no mundo do empreendedorismo, acabam partindo de um caminho inverso do ideal. Criam o produto e/ou serviço para depois conhecer as necessidades das pessoas.

No entanto, o certo é desvendar e entender o seu segmento de negócio para então desenvolver a ideia adequadamente.

Uma dica que pode ser muito valiosa é ter um bom networking. Ter contatos é fundamental para pesquisar mercados e conhecer a concorrência. 

5. Defina os produtos/serviços

É preciso traçar cada passo individualmente, já que não é possível “abraçar o mundo de uma só vez”. Cada produto/serviço possui seu próprio mercado e seu público-alvo.

Conhecer as dificuldades de um setor já é difícil, imagine de vários. Por isso, delimite já no plano de negócios a ideia que deseja desenvolver e trabalhe arduamente nela, empregue todos os esforços na sua melhoria e como seu público vai reagir com o que será disponibilizado. 

Desse modo, aposte todas as suas fichas naquilo que você gosta e trabalhe a ideia do começo ao fim. Não caia nas armadilhas de querer fazer tudo ao mesmo tempo, pois isso não funciona.

Precisa de dinheiro para abrir o próprio negócio?

Muitas vezes, o que impede uma pessoa de realizar o sonho de abrir sua própria empresa é a falta de recurso. Por isso, trazemos aqui uma solução!

Uma das modalidades de empréstimo mais procurada nos dias de hoje é o Home Equity, o crédito com garantia de imóvel.

Muito vantajoso, esse empréstimo permite pegar um alto valor de dinheiro (até 60% do valor do imóvel) a juros baixos e com parcelas estendidas para pagamento.

Muitos empreendedores estão buscando esse crédito para expandir o próprio negócio. Então aproveite e realize seu sonho agora mesmo!

Faça uma simulação e garanta já o seu crédito!

Subscribe To Our Newsletter

Get updates and learn from the best

destaques

Quero comprar

um imóvel.

Quero empréstimo
usando meu imóvel.